Vitor Pereira Jr
Contos, Crônicas e Versos
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Meu Diário
16/02/2019 21h42
MINHA LITERATURA FANTÁSTICA – Parte 1

Meu primeiro contato com o gênero literatura fantástica foi durante minha adolescência na década de 1990, por meio de RPG, jogando na escola os livros-jogos “Aventuras Fantásticas” de Ian Livingstone e Steve Jackson (Ah, a “Cripta do Vampiro”!), e lendo os manuais de monstros de “Dungeons & Dragons” de um primo meu (Aplausos para a ilustração do Caçador Invisível).

Na época, lá pelos meus 12 a 15 anos, alguns amigos que gostavam de desenhar e escrever começaram a criar seus personagens e a redigir suas próprias aventuras, então passei a criar minhas aventuras interativas também. Por eu gostar mais de ler e escrever fantasia do que interpretar personagens, sempre preferi os livros-jogos.

Um livro-jogo é uma obra na qual o leitor é também o personagem principal. Conforme o leitor chega ao fim de uma cena, ele é posto a decidir que rumo a aventura deverá tomar. Por exemplo, esta cena: “Você é um andarilho da noite. A madrugada avança e um vento gélido uiva por entre as árvores retorcidas. De repente, as nuvens se dissipam e a lua cheia ilumina uma velha casa de madeira que você jura não ter visto antes. Você irá investigar a casa ou seguir pela floresta escura?”. A aventura tomará rumos diferentes conforme o leitor escolha ler o que acontece caso entre na casa ou caso continue a perambular pela floresta. Como consequência, a história poderá chegar a vários finais diferentes, permitindo que o leitor leia a aventura novamente e se divirta procurando todos os finais, ou pelo menos o final mais exitoso.

Assim, fui inventando minhas próprias aventuras fantásticas. No começo dos anos 1990, como o computador ainda não havia chegado, o jeito era comprar um caderno na papelaria e sair escrevendo à mão mesmo. Eu acumulei um maço de papeis listando e ilustrando divindades, elfos arqueiros, heróis e monstros, além de alguns cadernos com umas duas séries de livros-jogos escritos à mão. É uma pena eu não ter guardado minha criação daquela época.

Mas só uns dez anos depois, quando comecei a postar meus textos na internet e a ter contos e poemas publicados, lembrei de como eu gostava de criar aventuras fantásticas inspiradas nos livros de Ian Livingstone e Steve Jackson. Vi que os livros-jogos, conhecidos por meio impresso, se tornaram Gamebooks na mídia digital. Foi daí que comecei a reescrever literatura fantástica onde o leitor é o personagem principal e decide que rumos seguir conforme as opções oferecidas na página. Fui listando desafios, personagens e monstros, e assim foram surgindo “As Crônicas de Tellus”. Neste post, falarei do meu primeiro Gamebook, “Mercenários do Caos”.

Tellus é um mundo antigo de reinos sangrentos e criaturas mágicas, você leitor-aventureiro e seus companheiros de viagem são destemidos mercenários vindos das frias terras do sul do continente de Erart e aguardam serem contratados para uma grande – e recompensadora – aventura! Logo você é chamado a escolher entre duas perigosas missões: resgatar um antigo tesouro roubado ou combater um feiticeiro ganancioso.

E quem sabe quantos desafios fantásticos aguardam o leitor no decorrer de suas escolhas? Com dois dados, lápis, papel, e coragem, o leitor já está preparado para embarcar neste emocionante livro-jogo de fantasia e aventura solo, onde ele é o protagonista de seu próprio livro, decidindo que rumos tomar em sua aventura!

Ao embarcar nesta aventura, você leitor terá alguns índices básicos para relacionar-se com o mundo ao redor. Terá sua agilidade, energia, magia e resistência postas à prova contra os muitos perigos que se encontram pela frente. Além das batalhas contra as mais fantásticas criaturas, você poderá usar suas especialidades para livrar-se com vantagem de situações adversas. Vários caminhos o levarão a encontros marcantes com personagens que irão ajudá-lo, outros caminhos escondem tesouros e itens valiosos para o sucesso de sua missão, mas muitos caminhos o conduzirão a um fim desastroso. Jogue quantas vezes quiser até concluir sua missão da melhor forma possível.

O Gamebook “Mercenários do Caos” está disponível na Amazon e é uma ótima opção para mergulhar no gênero de fantasia.

 

Link para conhecer o livro: https://www.amazon.com.br/Mercen%C3%A1rios-Caos-Livro-Jogo-cr%C3%B4nicas-Tellus-ebook/dp/B078TKWK3R/ref=sr_1_1?s=digital-text&ie=UTF8&qid=1515237733&sr=1-1&keywords=mercenarios+do+caos

 

Obrigado pela visita e boas leituras!

Até a próxima!

 

Vitor Pereira Jr.

 


Publicado por Vitor Pereira Jr em 16/02/2019 às 21h42
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras